quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Dia do Professor

No Dia do Professor, homenagem a Hugo Sarmento e à nossa equipe

Neste Dia do Professor gostaríamos de homenagear a toda a equipe de profissionais da escola, reconhecendo seu empenho e dedicação para, muito além da transmissão dos conteúdos, contribuir na formação e crescimento de nossos alunos.

Resgatar a importância desta profissão e do grande papel dos professores é fundamental para a construção da sociedade a que todos almejamos.

Um modelo de mestre norteia nossos ideais como educadores – Prof. Hugo de Vasconcellos Sarmento. Comemoraremos 126 anos de seu nascimento no próximo dia 1º de novembro.

O professor Hugoavô da fundadora do colégio, Patrícia Helena Mendes de Almeida, e de sua irmã, nossa vice-diretora, Eleonora Kiehl, e bisavô de João Mendes de Almeida Jr, diretor administrativo, e de Theodora Maria Mendes de Almeida (Tica), diretora pedagógica, nasceu na cidade de São João da Boa Vista, no interior de São Paulo, em 1º de novembro de 1889.

Filho de Luiz Gambettá Sarmento e de D. Francisca Cabral de Vasconcellos Sarmento, fez o curso primário em São João, tendo sido alfabetizado também em alemão. Depois estudou em Itu, no Colégio São Luiz, dos padres jesuítas, e fez o ginásio no Instituto “Culto à Ciência”, de Campinas.
Cursou a Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro e se casou, aos 19 anos, com Carolina Augusta Loyola de Andrade, da família Ribeiro de Andrade, também de São João da Boa Vista.


Com a chegada dos filhos, o professor Hugo Sarmento se viu obrigado a abandonar o curso de Medicina um ano antes de se formar. Começou, então, a dar aulas particulares e mudou-se para Poços de Caldas, MG, onde fundou o “Instituto Progresso”, com Escola Comercial e Curso Normal. Durante a epidemia de gripe espanhola, trabalhou incansavelmente, tendo ajudado a salvar inúmeras vidas com medicamentos por ele manipulados.

Voltou para sua cidade natal para fundar o “Ginásio São João”, esta a obra de sua vida, para a qual ele e sua esposa, Dona Carola, tiveram dedicação total. Equipou o “Ginásio” com materiais importados da Alemanha, formando um excelente laboratório de Química, Física e Biologia. Tinha o sonho de construir uma grande escola. Nela estudavam os filhos dos fazendeiros da região e aqueles que, sem condições de pagar, recebiam educação de graça. Nunca negou uma vaga a quem quisesse estudar.


Possuidor de grande carisma, era adorado por seus alunos. Tinha o dom de ajudar aos mais necessitados, de estimular os que tinham dificuldade, mas vontade de aprender.
Tinha registro para lecionar nove matérias, tendo sido grande professor de Física. Eram vastos seus conhecimentos científicos e humanísticos – sabia grego, latim e até esperanto.

Mestre por excelência, com ele todos aprendiam. Dono de didática própria, exerceu o magistério com grande dedicação. Pelas cartas que deixou, vemos sua nobreza e enorme bondade. Nosso colégio foi fundado segundo seus princípios educacionais.

Dificuldades políticas e econômicas o impediram de levar adiante seu projeto de escola, tendo sido, então, professor e diretor de diversas escolas públicas na região da Mogiana em São Paulo e em Minas Gerais. 

Além de nossa escola, uma rua e uma escola pública, em sua cidade natal, e uma praça na região do Jockey, em São Paulo, também levam seu nome.

Em nosso colégio, permanecem vivos o exemplo e os ensinamentos de Hugo Sarmento, educador essencialmente humanista. 

A partir deste exemplo de grande mestre, nesta data homenageamos a todos os professores que por aqui passaram, deixando sua valiosa contribuição, e a cada um dos que estão hoje conosco, exercendo a nobre função de educar.  

Um comentário:

  1. Que bom poder participar de um pedacinho dessa história.

    ResponderExcluir